sexta-feira, 1 de junho de 2012

Desabafo

As vezes me relaciono com certas pessoas
Sabe, do tipo que sente falta de programas de TV
Que, obviamente, VÊ novelas e programas de TV
Que escuta TCHU e TCHA
Que não mantém conversações sobre assuntos sérios
E penso…. QUE DIABOS to fazendo aqui,
ISTO NON ME PERTENCEEEEE…….

OHH SENHOR, não me deixais embrutecer...

quinta-feira, 26 de abril de 2012

PAUL MCCARTNEY!





Hoje fui no show mais incrível de toda minha vida: Paul Mccartney. Com certeza foi uma noite que vai ficar na história, sempre poderei dizer, sim, eu VI e OUVI um dos Beatles AO VIVO!!! 3 horas de show memoráveis. Mas uma das coisas que mais me deixou feliz esta noite foi que na fila conheci uma garota de 13 anos e seu pai, que viajaram do Paraná para ver o show. Esta menina é fissurada em Beatles! Sabia quase todas as músicas, sem emocionava, chorava, berrava... E não, não era por um restart qualquer como estamos acostumados! Era pelo PAUL MCCARTNEY! Além disso a menina adora ler (leu 30 livros ano passado) e toca piano. Esse pai com certeza deve se sentir muito orgulhoso, se um dia eu tiver um filho, ahhh deus queira que tenha bom gosto musical!!!!! A questão toda não foi a menina, mas todas meninas e meninos que como ela são excessão nos dias de hoje, e me deixam ver que a geração ainda não está perdida!

sábado, 21 de abril de 2012

Cinema




Hoje aconteceu algo engraçado... Uma mudança em meu perfil, na realidade. Aliás, faz tempo que venho notando que gosto muito de ficar sozinha. Hoje eu tinha decidido ir ao cinema sozinha (só fui sozinha uma vez, e gostei!). Então por algum motivo eu comentei com minha amiga, que quis ir junto. Quando ela já estava no caminho, li algumas críticas sobre o filme e não quis mais vê-lo, optando por outro. Mas ela não gostou do outro que escolhi e ficamos naquele impasse. Tudo que eu pensava naquele momento era como eu gostaria de estar sozinha, livre, escolhendo o que eu bem entendesse! Me senti extremamente presa e emburrada. Para não haver impasses mudamos os planos, passeamos e alugamos filmes pra ver em casa bebendo e comendo pipoca. Muito divertido, mas adivinhem o que farei amanhã? Ir ao cinema, sozinha. E não vou comentar com ninguém, shhhhh!!!

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Choques de realidade

É engraçado como hoje em dia filmes e documentários chocam as pessoas de tal forma, que pode-se observar como as pessoas estão alienadas e fora da realidade, para ficarem pasmas diante de uma denúncia que é expressada em alguma forma de mídia, como o caso do filme tropa de elite. Pode ser porque sempre me interessei por temas polêmicos desde o segundo grau, mas me choca é ver o choque das pessoas ante tais filmes, como se nunca tivessem antes parado para refletir sobre o assunto. E então escutar durante a aula de mestrado os colegas discutindo certos assuntos, pensando serem grandes intelectuais, que fazem reflexões inteligentíssimas, enquanto fico quieta e pensando, quanta reflexão de senso comum. É, ou sou muito chata e pretensiosa ou realmente me diferencio um pouco.

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Vontades

Então, de uma hora para outra, me vejo sem vontade de beijar ou fazer sexo. Assim que o namoro de cinco anos terminou saí avidamente por aí a beijar todo mundo e agora, de repente, um cansaço repentino! Alguns homens interessantes me procurando (interessantes mesmo, que eu gostei de estar junto) mas eu não sei dizer o porquê: simplesmente não quero. Uma ou outra ação esporádica pode gerar uma vontade, como alguém diferente que envolva grande ação do verbo conquistar, perigos e tudo o mais. Somente aquele desejo adolescente e emocionante anda conseguindo gerar isso, e olhe lá, porque faz tempo que não acontece. Estou doente? Cansei de companhia masculina? Cansei de sexo? Deve ser uma fase, mas tô legal sozinha, não me procurem.

sábado, 16 de julho de 2011

Ape

Apartamento novo, vida nova. Eba!

Hoje percebo que a fossa que há na janela do meu quarto deixa os sons bem nítidos. Sendo meu quarto, a fossa leva até o quarto do vizinho de cima. E o sexo do casal se torna bem nítido, por consequência. Elaiah, tô fudida! Nem me importo, mas isso significa que escutarão o meu também. O negócio é fazer um acordo, cada um ouve o sexo alheio e ninguém comenta nada. É o jeito.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Luxo e Lixo

Estranho isso. Hoje fiz algo meio louco. Como todas as mulheres, acho certas bolsas (caras) um luuuuuxo, e tenho desejo de possuir, como Victor Hugo ou Luis Vitton. Por outro lado, acho um absurdo pagar tal valor, sendo que há pessoas morrendo de fome. Um grande paradoxo. Mas então o desejo me dominou. Fui vã, egoísta, louuuucaa e comprei!!! AAAAhhh minha Victor Hugo linda maravilhoosaaaa. Mas então... Não estou puro extase, e sim com um pouco de culpa, que coisa não! Acho que nasci pra ser comunista mesmo. Assim, estranhamente o luxo rapidamente pode virar lixo, afinal, qual o sentido desta compra? Status??? O que é Status?? Eu não sei, mas sei que desfilar com ela realmente me passa a idéia (extremamente equivocada) de poder. Luxo ou lixo? Vocês me dirão....